Setenta crianças e adolescentes em vulnerabilidade social no projeto “Despertar”

Existem pessoas do próprio bairro que são voluntários e que se dispõem a doar seu tempo e dedicar-se às crianças e adolescentes

Setenta crianças e adolescentes entre 7 e 14 anos participam do projeto “Despertar”, que tem por objetivo prestar assistência a famílias de vulnerabilidade social no Parque Aeroporto. Os assistidos praticam esportes como futebol, futevôlei, capoeira e taekwondo. O projeto acontece às terças e quintas-feiras, além do sábado, quando é realizado na praça do Parque Aeroporto.
O prefeito Wladimir Garotinho intermediou a conversação entre os dirigentes do projeto e a INFRA Aeroportos, que administra o Aeroporto Bartolomeu Lisandro, garantindo maior alcance dos assistidos nas situações de interesse social e comunitário.
O idealizador do projeto, Cassyo Azevedo, conta como foi realizada essa parceria. “Sou morador do bairro e recebemos a reclamação da empresa INFRA que estavam sendo realizados furtos praticados por crianças e adolescentes. Então tive uma conversa com o prefeito Wladimir Garotinho, que nos atendeu muito bem e nos indicou à INFRA e, assim, conseguimos essa parceria que evitaria os furtos. A empresa nos ajuda com 32 cestas básicas por mês, sendo assim, as 64 famílias em situação de vulnerabilidade são contempladas. Trinta e duas em um mês e trinta e duas em outro”, declarou..Ainda de acordo com o responsável pelo projeto, existem pessoas do próprio bairro que são voluntários e que se dispõem a doar seu tempo e dedicar-se às crianças e adolescentes. Ele frisou, ainda, que o Projeto “Despertar” tem como objetivo, futuramente, manter as parcerias já estabelecidas e, principalmente, para atrair novos parceiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *