Jovem morre ao reagir a assalto

16503_jovem

Na semana em que o Comando do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM/Campos) deflagrou várias operações para evitar furtos e roubos na área central, uma jovem de 23 anos foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) no início da tarde desta quinta-feira, no município. Elieni da Silva Carvalho foi atingida por um tiro no tórax, após reagir a um assalto. O crime foi registrado num ponto de ônibus, em frente a um shopping, no Parque Rodoviário.

16503_arma

Um menor de 16 anos foi detido e dois maiores presos em flagrante. A arma do crime foi apreendida. Elieni foi surpreendida por dois homens em uma motocicleta vermelha. Um deles puxou a bolsa da vítima, que resistiu. Para levar os pertences da jovem, o carona acabou efetuando um disparo, acertando no tórax dela. Apesar de ser socorrida para o Hospital Ferreira Machado (HFM), Elieni não resistiu ao ferimento. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). Assim que a Polícia Militar (PM) tomou conhecimento do crime, foram feitos vários cercos pela cidade.

16503_ponto

Após cruzamento de informações entre a PM e a Civil, um menor de 16 anos, apontado como um dos autores do latrocínio, foi detido em flagrante num dos apartamentos de um dos blocos do conjunto habitacional do Bairro Matadouro, mais conhecido como Portelinha. Ele foi conduzido à 134ª (DL/Centro). maiores identificados e presos também na Portelinha Após a detenção do menor, policiais militares e civis retornaram a Portelinha, onde conseguiram prender o carona da moto e suposto autor do disparo, Horácio Junior Rodrigues de Souza, 18 anos, e o condutor, Carlos Riverton Pessanha Carvalho, 21. Em coletiva a imprensa, o delegado Geraldo Rangel informou que os depoimentos ainda serão tomados para esclarecer vários pontos do crime. “Pelo o que nós já apuramos os três têm participação.

O menor é o dono da moto, que emprestou para os outros dois praticarem o latrocínio”, comentou o delegado, informando que os pertences da vítima foram recuperados com os maiores. O comandante do 8º BPM, tenente coronel Ramiro Campos, disse que a partir de hoje realizará, por tempo indeterminado, operações na comunidade. 900 sacolés de cocaína Os policiais chegaram ao menor após a identificação da placa da moto, com auxilio das imagens do sistema de monitoramento da prefeitura, cujo endereço era do Jóquei Clube.

No bairro, foram informados que o veículo foi vendido ao adolescente, localizado posteriormente, junto com a moto. O outro suspeito já foi identificado. Em um terreno ao lado da Portelinha, os PMs encontraram uma pistola 9 mm, com 15 munições, e um revólver calibre 38, com uma munição deflagrada e cinco intactas, utilizado no crime, segundo o delegado titular da 134ª Delegacia Legal (DL/Centro), Geraldo Rangel. No mesmo local, os militares encontram 900 “sacolés” de cocaína e 45 pinos vazios, um prejuízo ao tráfico estimado em R$ 18 mil.

Créditos: Jornal O Diário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.